Uma boca quase muda, que surta, entregando segredos, um olhar que reflete como o espelho, bochechas que rosam com o balançar dos ventos, cabelos que embaraçam sentimentos, nariz que se empina quando tem razão, pele que quase nunca segue as cores do verão, mãos que sabem a hora certa de tocar, pés que se enroscam para um barulho soar, ouvidos perseguidores de verdades e um coração apertado, que sabe se acomodar, mesmo sendo pesado e tendo a imensidão do mar.

Elen Abreu

7 comentários:

Marilu disse...

Querida amiga,
Mãe,
Teus braços sempre se abrem quando teu filho precisa de um abraço.
Teu coração sabe compreender quando teu filho precisa uma amiga.
Teus olhos sensíveis se endurecem quando eles precisam uma lição.
Tua força e teu amor os guiaram pela vida e lhe deram as asas para
que eles pudessem voar.
Feliz Dias das Mães. Beijocas

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

adooooro!

VerMent* disse...

tudo eloquente neste corpo... verborrágico e poético. bonito mesmo Elen!

รяª Nathalia disse...

Tudo isso faz parte de um ser só.

Adorei aqui, ti sigo.

Beju (:

Notlim Santiago disse...

Suas Pallavras refletem os mais diversos sentimentos..ah coração do mar... Sempre a navegar por tal imensidão..

Vicky. disse...

Olá, tudo bem?
Conhece o blog www.desvendandocasamento.com.br ??
Um blog sobre casamento que está bem no comecinho, bom pra seguir os posts desde o comecinho.. Se gostar, segue lá!
Curte a página no face também ^^
Beijos.

Liliane Moraes disse...

Elen estou com dificuldade para posta aqui no seu cantinho toda vez que venho posta tenho que digita em algum lugar e depois colar aqui e mesmo assim não consigo ver o que eu escrevi só apos eu comentar :(

http://alguemparaconversa.blogspot.com.br/

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...