Você morre e renasce o tempo todo




Eu preciso te esquecer, eu preciso te matar de dentro de mim, eu preciso te dar um "adeus" que seja realmente um "adeus" de fato. Mais o que fazer? Se a cada alvorecer eu desejo ainda mais você, se a cada milésimo de segundo eu sinto a necessidade de te ter, se cada passo que dou é em direção a você, se cada sonho que sonho você estar presente, se todo cara de repente começou a se parecer com você e em todo lugar pareço te ver, se toda voz por mais esquisita que seja me lembra a sua, se todo carro parece com o seu, se toda minha felicidade foi com você. 


É isso? Eu preciso até esquecer que já fui feliz um dia para poder te esquecer? Não, não... é pior que isso, eu preciso me esquecer para poder esquecer de você, porque até pouco tempo atrás você era metade de mim, nós dois juntos éramos um só, como de repente vou ter que viver só com uma metade de mim? Isso é suicídio, eu não consigo. 


Mesmo que eu não queira você esta indo, a minha metade ver aos poucos minha outra metade se quebrar, você esta se decompondo e ao mesmo tempo tão vivo em mim, tão vivo na suas declarações, tão vivo na minha poltrona, tão vivo ao adentar na minha porta com seu perfume tão embriagante, tão vivo ao me olhar, tão vivo em cima de mim. Por que você não morre logo e leva consigo todas as nossas lembranças? Por que meu sorriso não dura mais que três segundos? Por que eu não encontro paz se você não estiver no meu mundo? 


Ontem me iludi, sorrir por três segundo e meio, nesse meio tempo cheguei a achar que você tinha se decomposto de vez, sem deixar rastros, nem esqueleto, como se nunca estivesse existido, mas como alegria de apaixonado dura pouco segundos depois descobri sua ossada inteira e com o coração batendo dentro de mim. 


Você morre e renasce o tempo todo, você sempre embarca com passagem de volta me roubando o quase nada de sanidade que ainda me resta, você sempre faz as malas mais nunca chega se quer ao aeroporto, você sempre diz que me ama mais nunca soube de fato o que o amor significa.

Elen Abreu

6 comentários:

Elaine Castro. disse...

Ei Elen,
Está sumidinha menina...
Intenso, forte e marcante o post, assim como as marcas que tudo que você está descrevendo devem ter dixado.

Beijos.

Anna Williams disse...

Olá, Elen! Gostei desta frase ''você morre e renasce o tempo todo.''. Também amo escrever:-) Vou seguir seu blog também. Sobre minhas metas no blog, eu só quero é ficar sempre abaixo de 60kgs. Meu corpo sempre distribui o peso de uma forma homogênea e eu já pesei 67kgs (depois que minha filhinha nasceu) e mesmo assim usava biquíni e não estava gorda ou gordinha. Mas eu gosto de ficar abaixo de 60kgs. Estou com 57-58kgs no momento e pretendo perder de repente uns 3 ou 4 quilos ''só pra garantir'' ficar na casa dos 50:-)

Mumiah disse...

Adorei, esse texto tem tudo a ver comigo...
^^

Bjs;**

I.B.G. disse...

Helloooo. Your blog is very nice. I liked it. I have very interesting blogs. You should visit and follow my blogs. Thanks.

http://antalya-magnificent-city.blogspot.com/

http://turkicfamily.blogspot.com/

http://tulparturkdunyasi.blogspot.com/

Everson Russo disse...

Esse morre e renasce muitas vezes nos deixa perdidos pelo caminho,,,sem a ação necessaria ou pra,,,deixar de lado definitivamente ou pra lutar por uma continuaçaõ.....beijos de bom dia pra ti.

Daniel Savio disse...

Infelizmente, quando se chega ao fim, resta a gente lidar com as lembranças, boas e ruins distos...

Fique com Deus, menina Elen Abreu.
Um abraço.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...